Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Pequena Reikiana

Um blog de uma reikiana em constante aprendizagem...

A Pequena Reikiana

Um blog de uma reikiana em constante aprendizagem...

Numerologia e Numerologia Kármica: as minhas novas paixões

pay-937884_960_720.jpg

 

Pois é... decidi estudar numerologia. Quem me conhece deve estar neste momento de boca aberta. Mas podem fechá-la! É verdade! Eu, aquela pessoa de Humanidades, que detesta matemática, acabei por sentir necessidade de estudar numerologia. E sim, envolve cálculos, mas não se preocupem, eu uso a calculadora! Está tudo controlado!

 

Confesso que o meu interesse pela numerologia veio de repente, nem sei bem de onde. Mas veio com a força toda. Nos últimos meses, dediquei-me a estudar, a compreender, a aperfeiçoar todas as técnicas até me sentir preparada para falar sobre o assunto.

 

Mas... e como uma coisa nunca vem só, a numerologia não me chegou na totalidade e, por isso, fui à procura de mais, e descobri a numerologia kármica, pela qual me apaixonei perdidamente. Este mundo repleto de números, deu-me a conhecer imenso sobre mim e sobre os que me rodeiam, assim como sobre a minha própria missão nesta vida e algumas situações do passado. É realmente incrível como simples cálculos podem dar tanta informação sobre uma pessoa...

 

Saber o nosso número de lição de vida, o ano pessoal em que nos encontramos e conciliar isso tudo com a nossa tabela de nascimento e com os anos mais importantes da nossa vida, dá-nos informação suficiente não só para compreender quem somos e o que viemos cá fazer, como também ajuda a perceber o momento que estamos a passar e prepararmo-nos melhor para o futuro. Juntando a isso, saber o poder do nosso nome e o quanto ele pode ajudar ou prejudicar a nossa evolução enquanto seres humanos, conciliando, depois, com os nossos desafios e heranças kármicas, dá-nos material suficiente para umas boas horas de leitura.

 

Por isso, e porque acho que é um tema demasiado complexo para um simples texto, durante os próximos tempos, irei abordar mais detalhadamente o que é a numerologia e a numerologia kármica e como ela nos pode ser útil para compreendermos melhor a nossa missão nesta vida, o nosso propósito e quais os desafios que temos de superar para nos sentirmos mais realizados a todos os níveis.

 

Espero que gostem e que se apaixonem pela numerologia, assim como eu me apaixonei. Como diz David A. Phillips, um dos mais proeminentes numerologistas do mundo, "A Ciência dos Números, tal como foi ensinada originalmente por Pitágoras, está prestes a ser revelada. Está preparado para esta viagem entusiasmante, que o levará à essência do seu Eu interior?".

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    J 25.11.2018 13:47

    Estás certo. E por acaso deste-me ideias para um texto porque essa pode ser realmente uma dúvida. Em relação à data de nascimento, essa é complicada de alterar. Claro que podemos "controlar", se marcamos uma cesariana para determinado dia, mas nem isso é certo como bem sabemos... Podemos tentar controlar até o momento da concepção mas... também não depende só de nós, não é assim tão simples. Mas quanto ao nome, esse sim pode ser mudado. Aliás, e aqui está a parte interessante, o nosso nome deve sempre complementar a nossa data de nascimento em termos numerológicos... daí que alguns famosos mudem de nome de propósito, para ter mais sucesso por exemplo. No teu caso, acho que não podes controlar quando a tua filha irá nascer, mas com base na data de nascimento dela, podes sim ver qual o melhor nome para ela :)
  • Sem imagem de perfil

    Daniel 25.11.2018 15:21

    Podemos tentar marcar o dia e hora para a cesariana mas pode muito bem acontecer contra tempos e não poder ser. Momento da concepção também se pode planear como disses, mas mesmo ai acho que não é por acaso. Por isso quanto à data não tenho duvidas.

    No nome tenho mesmo duvidas mas não sei porquê e mesmo com o conhecimento do poder dos números acho que o bebe terá o nome certo.
    Deste o exemplo dos famosos que está certo, como existem outros, um exemplo quando a mulher se casa e adiciona o surname do marido, e tudo se altera na vida dela, desafios entre outras coisas. Talvez se pode dizer que foi simplesmente por dividir a casa a dois se torna diferente, mas acho que não, acho que será como uma ativação de algo predestinado. Cada vez acho mais que temos pouco mais que 1% de livre arbitrio, mas isso não é tema para aqui.

    A minha intuição diz-me que mais ano menos ano isso vai acontecer mesmo sem eu ter qq raiz neste momento, e provavelmente e decidindo em conjunto o nome dela, só irei fazer o mapa numerologico depois do baptizado. :)

    Caso então aprofundes este tema no futuro irei dar a minha opinião sobre esse teu pensamento. :)
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.