Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Pequena Reikiana

Um blog de uma reikiana em constante aprendizagem...

A Pequena Reikiana

Um blog de uma reikiana em constante aprendizagem...

Moldavite: um cristal que veio de outro planeta

moldavite-a-05_ml.jpg

Não é novidade para ninguém que os cristais são uma das minhas paixões e que sou automaticamente atraída para eles assim que os vejo. Foi isso mesmo que aconteceu recentemente quando um cristal em específico, que confesso que apenas tinha ouvido falar e não conhecia as propriedades, me chamou a atenção de uma forma inexplicável.

 

Era uma Moldavite. De cor verde cristalina, este cristal, descobri mais tarde quando pesquisava, é bastante raro e, por isso, caro, dado que apesar de ainda ser fácil de encontrar, a fonte está a esgotar-se e está em vias de extinção. Admito que quanto mais pesquisava sobre a Moldavite mais me apaixonei pela minha nova aquisição. E, por isso, fiz questão de partilhar convosco este magnífico cristal e as suas propriedades únicas.

 

É considerada uma das pedras da Nova Era, isto porque tem origem extraterrestre, tendo sido formada após a colisão de um grande meteorito com a Terra. O calor do impacto metamorfoseou as rochas à volta, dando origem, assim, à Moldavite, que é uma fusão das energias extraterrestres com às da própria Terra.

 

Este cristal é utilizado como talismã e amuleto desde os tempos da Idade da Pedra, para atrair sorte e fertilidade. Dada a sua origem, muitas pessoas acreditam que veio para ajudar na transição e curar a terra, até porque esta pedra aumenta substancialmente o efeito dos outros cristais, levando-os à sua vibração máxima.

 

Algumas das propriedades da Moldavite estão intimimamente ligadas à comunicação com o nosso Eu Superior, e há quem diga que este cristal tem o seu próprio Eu Cósmico absoluto, que pode colocar-nos em contacto com os Mestres Ascendidos e com os mensageiros cósmicos. Dito de outra forma, este cristal permite a quem o usa entrar em estados alterados de consciência e elevar a pessoa a outras dimensões espirituais.

 

Em termos energéticos, a Moldavite, devido à sua elevada vibração, abre, alinha e limpa bloqueios de chakras, integra o plano divino e acelera o crescimento espiritual, já que ressoa com o chakra da coroa, abrindo-o para receber informações superiores.

 

Diz-se também que esta é uma pedra que transcende o tempo. Colocada sob o chakra do terceiro olho, a Moldavite pode permitir avançar para o futuro, ou regressar ao passado. Facilita as viagens a outras vidas mas também mostra potenciais futuros dependendo das ações praticadas. É, por isso, uma pedra muito virada para os sentimentos e aprendizagens, ajudando também a nos despreendermos de assuntos mundanos e das preocupações com o futuro, já que nos dá uma "calma" para analisar todas as perspetivas e ajudar a arranjar soluções inesperadas.

 

Estando muito ligada ao espiritual e mental, a Moldavite pode também despertar memórias latentes e permitir o acesso a informações espirituais, como aos Registos Akáshicos. Liberta também ideias fixas e crenças enraizadas, neutralizando ainda ordens hipnóticas (programas insconscientes induzidos por forças externas que podem "comandar" uma pessoa, fazendo-a agir de determinada forma).

 

Dadas as suas propriedades, esta pedra é indicada para pessoas sensíveis mas deve-se sempre ter o cuidado de estar enraizado com a terra, para não "se perder". É um cristal poderoso, que deve ser usado com cuidado e, como é bastante frágil, não deve ser limpo com sal pois isto irá danificar a sua estrutura e propriedades.

 

Também é ótimo em termos de propriedades curativas, podendo ajudar a tornar-nos conscientes da causa e origem da patalogia que nos afeta. Pode ser usado como instrumento de diagnóstico, libertando tudo o que precisa de ser libertado, a nível emocional e não só.

 

Espero que este cristal vos tenha apaixonado tanto como a mim, porque, de facto, é único, raro e muito, muito poderoso. Além de ser lindo... Mas isso, já depende dos gostos de cada um. Se bem que diz-se que quem tem um pouco de aversão a esta cor verde pode ter alguns problemas para resolver, tanto em termos de doenças como de sentimentos retidos há muito tempo.

 

Estou, de facto, apaixonada... e já não o largo. Se o encontrarem, não olhem ao preço, é realmente algo único que pode, em breve, deixar de ser fácil de encontrar.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.