Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Pequena Reikiana

Um blog de uma reikiana em constante aprendizagem...

A Pequena Reikiana

Um blog de uma reikiana em constante aprendizagem...

De que têm tanto medo os médicos?

doctor-563428_960_720.jpg

 

Mais uma vez, vou ser obrigada a abordar o mesmo tema. A mentalidade portuguesa face às medicinas alternativas/complementares. Tudo porque me deparei, no outro dia, com uma notícia que me fez alguma "comichão". O título já dizia tudo: "Médicos contra licenciatura em medicina chinesa ameaçam com protesto".

 

Ameaçam com protesto? Mas porquê? De que têm tanto medo os médicos, afinal?

 

Segundo a notícia, a Ordem dos Médicos "acusa o Governo de ameaçar a saúde dos portugueses validando cientificamente práticas tradicionais chinesas" e o próprio bastonário, Miguel Guimarães, afirma que a licenciatura "em práticas que não têm base científica constitui um perigo para a saúde e para as finanças dos portugueses".

 

Mais. O bastonário diz que o Governo, ao aprovar esta licenciatura de quatro anos, está a "contribuir para um retrocesso sem precedentes". Retrocesso? Acho que há aqui qualquer coisa que está a escapar à classe médica.

 

Retrocesso é não ver o que se passa à sua volta, no mundo, onde as práticas de medicinas alternativas/complementares são cada vez mais usuais e aprovadas, quer por quem delas usufrui, quer pelos próprios governos.

 

Criticam as medicinas alternativas e descredibilizam-nas porque não têm base, porque não têm um curso próprio, etc. Mas quando se quer dar esse passo em frente, também não aceitam. Em que ficamos, afinal? Que raio de mentalidade é esta que não quer aceitar que as coisas mudam e que nem tudo tem de ser feito como há 100 anos atrás? A própria medicina vai-se atualizando, vai-se adaptando. O mesmo se passa com a sociedade, que descobre novas formas de tratamento.

 

Contudo, o bastonário da Ordem dos Médicos consegue ainda ser mais ridículo. Segundo ele, ao se criar uma licenciatura validada em medicina tradicional chinesa, "a publicidade enganosa irá aumentar de forma brutal, legalizada pelo ministro da Saúde". COMO? Ao criar uma licenciatura a publicidade enganosa irá aumentar?

 

Será que este senhor, bastonário da Ordem dos Médicos, não vive no mesmo mundo que eu? Publicidade enganosa é o que existe em vários comprimidos e frasquinhos que se vendem nas farmácias. Publicidade enganosa é encher as pessoas de antidepressivos por tudo e por nada. Publicidade enganosa é o que acontece diariamente, exatamente porque não há cursos reconhecidos pelo Ministério da Saúde. Publicidade enganosa só existe porque o Governo não aceita admitir as medicinas alternativas/complementares como algo real e válido.

 

Continuo a perguntar. De que têm tanto medo os médicos? De ficar sem pacientes? Isso nunca acontecerá. Há sempre casos que necessitam de tratamento médico especializado, com exames, medicamentos e cirurgias. Mas talvez percam as farmacêuticas... Será que é esse o medo? Que as pessoas abram os olhos e vejam o quanto estão a ser enganadas pelas farmacêuticas há anos?

 

Será que sou a única que não entende esta posição?